Notícias

Secretaria de Estado de Saúde informa possível atraso de envio da 2ª dose da Coronavac para os Municípios




 

28.07.20. Requalifica 5 leva novo asfalto à avenida José Henriques, bairro Cidade Nova
- Assessoria de Imprensa

 

A Secretaria de Estado de Saúde emitiu na última quarta-feira (21), uma Nota Técnica sobre a segunda dose da Coronavac, na qual informou que possivelmente haverá atraso de envio de doses necessárias para findar o esquema da segunda dose (D2) da Coronavac aos Municípios. A justificativa foi o anúncio do Ministério da Saúde, por meio do Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19, que informou alterações no cronograma de entrega da Coronavac/Butantan devido ao atraso de recebimentos de insumos para a fabricação da vacina pelo Instituto Butantan e sendo repassado apenas 700 mil doses do imunizante. Além disso, a Secretaria de Estado de Saúde reiterou que vem mantendo diálogo constante com o Programa Nacional de Imunização (PNI) como forma de buscar alternativas para solucionar a problemática. “Considerando que Mato Grosso do Sul está entre os estados que apresenta a melhor distribuição e aplicação de doses no país reforça que a população tenha paciência e compreensão, principalmente, junto aos profissionais de saúde, quanto a eventual disponibilidade da segunda dose nas salas de vacinação dos municípios”, destacou. Por fim, a SES/MS reforçou que tão logo, o Ministério da Saúde adquira quantitativo suficiente, enviará as doses necessárias para a finalização de todos os esquemas vacinal com a administração da segunda dose (D2). E também ressaltou que com esse atraso no envio das doses da Coronavac não compromete a eficácia da vacina nos pacientes.

 

Fonte: Assessoria de Imprensa