Notícias

Brasilândia recebe 200 cestas básicas do Governo do Estado para minimizar impactos da Pandemia




 

28.07.20. Requalifica 5 leva novo asfalto à avenida José Henriques, bairro Cidade Nova
Secretária Municipal de Assistência Social, Emília Vichete, recebeu as cestas básicas - Assessoria de Comunicação

 

Na manhã desta quinta-feira (30), Brasilândia recebeu do Governo do Estado 200 cestas básicas, visando minorar a situação de insegurança familiar das famílias em estado de vulnerabilidade econômica, agravada pela pandemia da COVID-19. A entrega oficial foi realizada em Três Lagoas, com a presença da Secretária Municipal de Assistência Social, Emília Vichete, na qual recebeu as cestas dos coordenadores regionais do Governo do Estado, Jorge Martinho e Márcia Amaral.

Para o recebimento das cestas, o Município por meio da Assistência Social realizou o levantamento dos beneficiários que deveriam integrar os seguintes critérios: se encontram em situação de extrema pobreza e em vulnerabilidade social, cadastradas no CadÙnico e sem cobertura de qualquer outro benefício assisstencial, situação agravada por estarem impossibilitadas de saírem de suas casas em decorrência do isolamento social causado pela pandemia da COVID-19 e sem recursos financeiros para custear a sua própria alimentação.

“Vale ressaltar que esses critérios foram estabelecidos pelo Governo do Estado, e o Município só teve a única participação em levantar o nome das famílias que se enquadravam nestes requisitos”, explicou o prefeito Dr. Antonio Thiago.

Além disso, o prefeito agradeceu ao Governador Reinaldo Azambuja pela doação que será de extrema importância neste momento que o país atravessa. “A pandemia deve impactar a economia e quem vai sofrer com isso será em especial as famílias em estado de vulnerabilidade. Toda ajuda é bem vinda”, destacou.

Nesta primeira etapa, o Governo do Estado entregou o total de 20 mil cestas para os 79 municípios, sendo que distribuição foi de acordo com o porte de cada cidade (pequeno, médio e grande porte), e, conforme esse critério, Brasilândia recebeu 200 cestas. Os alimentos serão entregues na próxima semana no Centro de Referência de Assistência Social (CRAS).

 

Fonte: Assessoria de Comunicação