Notícias

Prefeitura de Brasilândia informa o Valor de Terra Nua de 2020




 

28.07.20. Requalifica 5 leva novo asfalto à avenida José Henriques, bairro Cidade Nova
Valor é calculado anualmente - Assessoria de Imprensa

 

A Prefeitura de Brasilândia por meio do Departamento de Tributação informa os dados do Valor de Terra Nua (VTN) de 2020.  O valor deve ser informado anualmente, conforme a legislação e Instrução Normativa da Receita Federal do Brasil, do número 1.877/19.

Neste ano, o VTN para terras agricultáveis em Brasilândia varia por hectare tendo as seguintes avaliações: lavoura com boa aptidão – R$ 8.812,00; lavoura com aptidão regular – R$ 7.220,55; lavoura com aptidão restrita – R$ 5.887,30; pastagem plantada R$ 4.628,94; área para silvicultura ou pastagem natural – R$ 3.925,74 o hectare e preservação da fauna ou flora R$ 2.821,60.

O responsável pelo levantamento de preços foi o engenheiro agrônomo Daniel Vasques Aleixo, sendo a metodologia aplicada foi o comparativo direto de dados de mercado com procedimentos da Associação de Normas Técnicas (ABNT).

Todo o município tem até o último dia útil de julho de cada ano para informar à Secretaria da Receita Federal o valor da Terra Nua de todas as aptidões agrícolas existentes no seu território.

Os números do Valor da Terra Nua são bastante utilizados para a apuração do Imposto sobre a Propriedade Territorial Rural (ITR), na qual é levado em consideração para as transações, ofertas e opiniões do mercado imobiliário e prevê também a valorização das terras, em conformidade com as nuances de cada aptidão agrícola correspondente ao solo na região.

 As informações foram coletadas desde janeiro deste ano e os valores comunicados via ofício ao chefe da Receita Federal de Campo Grande (MS), Edson Ishikawa.

Os valores também foram informados e repassados aos representantes do Creci (Conselho Regional dos Corretores de Imóveis), sindicato rural patronal, sindicato dos trabalhadores rurais e sociedade rural, além da Secretaria Municipal de Agricultura e Meio Ambiente.

 

 

Fonte: Assessoria de Imprensa